POESIA — DO QUE É DEIXADO QUANDO MUDAMOS

14079868_1181269211925488_5288673721123395762_n

Foto: autoral

 

Parte I.

Um varal, um biquíni e um epitáfio.
Se esquecido, a falta vem antes;
se abandonado, não vem.
Por um momento senti como se exumasse os sonhos
cultivados num jardim que hoje é aterro.
Pensei no que deixaria para trás quando resolvesse mudar também,

Continuar lendo

Anúncios